11.8 C
Vila Real
Sexta-feira, Janeiro 15, 2021
Inicio Cultura Jovens penaguienses apostam na música nacional

Jovens penaguienses apostam na música nacional

Ter coragem para arriscar. A determinação é talvez o maior impulso para a concretização dos sonhos e se há coisa que move os jovens, ou quem quer que seja, é ser apaixonado por aquilo que se faz ou quer fazer.

São o Joel Santos, o Paulo Queirós e o Vítor Ribeiro. três amigos apaixonados pela música e que moram do concelho de Santa Marta de Penaguião, onde estimulam a sua criatividade, procuram inspiração, escrevem músicas e se divertem entre amigos. Na verdade, desde que não falte a música e o espírito livre, o local não importa. Apresento-vos os Red Elephant!

Nasceram no final de agosto de 2018, de uma enorme vontade de se juntarem entre amigos para dar voz às várias ideias que fluíam. Num ambiente relaxado. e sem grandes expetativas, rapidamente chegaram àquilo que queriam fazer: criar músicas em Português.

O estilo musical que apresentam, caraterizam-no especialmente como alegre e também indefinido, talvez dentro do género Rock, Pop ou Punk. Após quatro meses de trabalho, os Red Elephant estrearam-se num pequeno concerto em Chaves, num concurso de bandas do qual saíram vencedores. Este prémio permitiu-lhes, mais tarde, voltar a atuar no mesmo local, mas com um reportório mais longo.

Em abril deste ano, juntamente com a banda Like I Can’t Go, conquistaram um lugar no palco da Semana Académica da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), partilhando-o com artistas como Hugo Miranda, One Martin’s, Cálculo e Deejay Telio. Além disso, recentemente, marcaram presença no Tarouca Summer Rock, um festival distinto na região.

Para o futuro, os Red Elephant anseiam pelo crescimento da banda e por uma agenda mais alargada, com o lançamento de um álbum (EP). Para quem quiser conhecer melhor a sua música, nas plataformas Youtube e Bandcamp já se encontra disponível o single O brilho do teu olhar. Outro desejo destes jovens é sobretudo que o público se divirta, tanto em concerto como a ouvir a sua música onde quer que estejam.

Eles esperam ver-vos por aí, afinal as conquistas valem mais a pena quando são partilhadas.

Ana Mesquita

Artigo anteriorAlerta Vermelho
Próximo artigoBreves: Fogos nos concelhos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, introduza a sua mensagem!
Por favor, introduza o seu nome aqui

Últimas Notícias

Martim Pereira, o talento Penaguiota

Martim Pereira, Fontense de gema, tem 12 anos e é tido como a futura promessa do futebol português. Quem o conhece, fala da personalidade discreta e humilde que o caraterizam. Embora discreto, o seu talento a dominar a bola não passa ao lado dos olheiros do futebol, a quem desde cedo começou a despertar a atenção.

Tomada de posse dos órgãos sociais da FCM

Durante o dia de ontem decorreu a cerimónia de tomada de posse da nova direção da Fundação Dr. Carneiro Mesquita (FCM).

Agência CA de Fontes reabre na próxima semana

Durante a fase crítica da pandemia provocada pela COVID-19, esta agência CA manteve-se em permanente contacto com a Junta de Freguesia, no sentido de continuar a disponibilizar os serviços mais urgentes aos clientes fontenses, como o transporte e entrega das pensões aos mais carenciados ou grupos de risco e o permanente funcionamento do Multibanco.

Comércios Fontenses em tempos de pandemia – Móveis Chico e Supermercado

A vila de Fontes, em Santa Marta de Penaguião, é uma das localidades que, até ao momento, não registou qualquer caso de infeção por coronavírus.

Comentários Recentes

Graça Jacinto on Na cavaqueira com…
Lurdes Teixeira on Na cavaqueira com…
Graça Jacinto on Na cavaqueira com…
Graça Jacinto on Na cavaqueira com…
Acacio Mesquita Carvalho on Na cavaqueira com…
Graça Jacinto on Acidente mortal no Cóvo